CONHEÇA PESSOAS RICAS E BONITAS. CADASTRE-SE AGORA!

Ainda que você se programe direitinho, Sugar Baby, pode ser que retorne com dinheiro estrangeiro de uma viagem internacional. Quando isso acontece, o que devemos fazer? Bate a dúvida se é melhor trocar tudo por reais ou então guardar para outra viagem.

Bom, se a próxima viagem já está marcada, vale a pena guardar sim.

Esse dinheiro pode ser muito útil para despesas menores, como o café ou o táxi. Mas, se você não tem previsão para viajar em breve, melhor converter o que sobrou em reais. Simplesmente porque você pode perder dinheiro, já que ele pode desvalorizar ou, até mesmo, acontecer do país trocar de cédulas.

Pode ser também que o real valorize em comparação com o dinheiro do país e, aí sim, vale a pena guardar um pouco. Mas precisa acompanhar bem de perto o mercado financeiro.

Quanto às moedas metálicas, você precisa gastá-las antes de voltar ao Brasil porque elas não são aceitas em casas de câmbio. Se o caso forem cartões pré-pagos ainda abastecidos, você não precisa se preocupar em trocar logo. Analise bem o contrato e entenda se o valor será mantido ou não.

Aquela velha prática de vender o que sobrou para pessoas que irão viajar não é muito recomendada porque pode gerar problemas com a Receita Federal. Só quem tem permissão de fazer isso são agentes autorizados pelo Banco Central.

 

CONHEÇA PESSOAS RICAS E BONITAS. CADASTRE-SE AGORA!