CONHEÇA PESSOAS RICAS E BONITAS. CADASTRE-SE AGORA!

Pietro é um Sugar Baby Gay que já teve dois Sugar Daddies. Seu primeiro relacionamento Sugar Gay terminou depois que, em comum acordo, os dois viram que a relação não estava funcionando da melhor maneira e, com isso, decidiram colocar um ponto final com muita maturidade e respeito mútuo.

“Eu fui muito feliz na minha relação passada. O Marcelo era ótimo para mim. Ele me ajudou a dar um guinada na minha vida. Mas isso acabou fazendo com que nós ficássemos bem distantes. Minha vida começou a ficar muito corrida e a gente sempre se viu bastante. O combinado foi três vezes na semana, sempre variando entre começo, meio e final de semana. Mas meus horários ficaram apertados, assim como os dele. A empresa que ele é dono é uma startup e estava recebendo um investimento bem grande, depois que participou de uma feira de ecommerce.

Enfim, ficou tudo muito corrido. Eu tive que falar alguns ‘não’ para alguns de nossos encontros. Essa frequência que começou com três dias e já beirava os cinco encontros por semana, passou a acontecer uma vez e, até mesmo, a não acontecer. Depois de duas semanas sem nos vermos, finalmente nos encontramos.

A noite rolou normalmente. Tomamos vinho. Comemos nossos pratos favoritos e coisas do tipo. Ao final dela eu disse que a gente precisava conversar e ele consentiu. Falei que estava difícil de nos vermos e que eu não estava feliz com aquilo, tanto por mim, quanto por ele. Ele concordou novamente e completou dizendo que entendia perfeitamente a fase que eu estava passando. Afinal, assim como já aconteceu um dia com ele, eu estava começando meu ecommerce. Ele disse que me adorava mas que realmente não fazia mais sentido nos vermos. Até porque ele queria alguém que tivesse maior disponibilidade. Nas palavras dele ‘Duas pessoas com agendas apertadas não funcionam bem.’

O que achei melhor de tudo foi que ninguém ali estava com raiva ou qualquer outro tipo de sentimento negativo. Se fosse em uma relação tradicional, tenho certeza que não seria assim. Só o fato de não estarmos nos falando seria motivo para brigas intermináveis e mil e um dramas. Ele ainda disse que se orgulhava muito de ver como eu estava feliz em trilhar meu caminho. E que ficava muito feliz de ter feito parte de um momento tão importante na minha vida.

Terminamos aquele jantar com um beijo dele na minha testa e dois sorrisos de orelha a orelha. Nunca tinha tido uma relação de tanto respeito. Hoje, eu tenho outro Daddy. Com ele é tudo bem diferente. Desde o começo ele deixou bem claro que nos veríamos uma vez na semana e que alguns encontros poderiam não acontecer. Achei perfeito! Com esse, sim, as agendas cheias irão funcionar. E, de verdade? Tem funcionado bem há alguns meses já.”

CONHEÇA PESSOAS RICAS E BONITAS. CADASTRE-SE AGORA!