5 curiosidades sobre o Relacionamento Sugar

João Vitor

Compartilhar:

Provavelmente a esta altura, você já sabe curiosidades da vida de pelo menos metade do seu Instagram. Isto porque a última trend que mais bombou nas redes sociais e foi usada por mais de um milhão de pessoas foi a de listar ”5 curiosidades sobre você”, o que permitiu algumas pessoas quebrarem certas barreiras com as pessoas que elas tinham interesse em saber um pouco mais. Para não ficarmos de fora e também criarmos uma conexão com vocês, aproveitamos para listar 5 curiosidades do relacionamento sugar, como por exemplo:

A origem do Relacionamento ”Sugar”

Muitas vezes para termos confiança em algo, temos que entender como tudo realmente começou. Apesar do relacionamento sugar estar super em alta atualmente pois as pessoas perderam o medo de ser elas mesmas e de se envolver, ele não começou agora. O conceito desse relacionamento não é novo. A expressão “Sugar Daddy” surgiu em 1908, com o casamento de Adolph Spreckles, de 51 anos, herdeiro de uma fábrica de açúcar, com a jovem de 27 anos, Alma de Bretteville, que o chamava pelo termo (que em português significa “Papai de Açúcar”), desde então, os americanos o adotaram para classificar como patrocinador e patrocinada em termos morais e sociais.

Relacionamento Sugar não é prostituição

Uma garota de programa tem um cliente, no caso delas, estamos falando de uma profissão e não de um relacionamento. Relacionamento Sugar não tem absolutamente nada a ver com isso, não existe sexo em troca por dinheiro. Se isto era um problema para você, vamos ser claros: você procura um parceiro e não um cliente. Os Daddies buscam uma parceira, que goste de sair para conversar, viajar e colecionar bons momentos. Já as Babies apreciam o valor de encontrar um relacionamento real com alguém que possa ajudá-los a ter sucesso em sua vida pessoal e profissional.

A renda mensal de um Sugar Daddy

Agora quer você já se livrou de paradigmas sobre o relacionamento sugar, aqui esta uma curiosidade para garantir segurança a nossa baby: Um Daddy, não é um Daddy se não conseguir proporcionar o que a Baby precisa e deseja. A renda mensal de um Daddy, segundo pesquisas, fica em torno de 75 mil reais. Aqui no MeuPatrocínio, nosso Daddy só pode realmente ser um usuário se atender o pré requisito, que é, ter uma renda mensal de no mínimo 10 mil reais e que pode chegar até mais do que 500 mil reais. Temos uma equipe especifica para garantir que não haja golpe contra nossas Babies e nossa empresa. 

A média de idade do Daddy e da Baby

Muito se pergunta se é obrigatório o Daddy ser mais velho que a Baby, apesar de ser a maioria dos casos, não é uma regra para se relacionar. Apesar da média de idade das Babies ser de 25 anos e dos Daddies de 49, acreditamos que seja pelo fato de que aos 20 e poucos anos, temos que tomar decisões extremamente importantes para o nosso futuro, e ter conselhos e apoio de quem alcançou o sucesso e de quem pode te ajudar a alcançar também, pode ser primordial para a sua vida. 

O MeuPatrocínio como pioneiro em Relacionamento Sugar na América Latina.

Em 2015, Jennifer Lobo foi a responsável por trazer ao Brasil uma nova tendência de relação. Em seis anos de atividade, o MeuPatrocínio é o maior site de relacionamento sugar do país, onde reúne homens poderosos a mulheres jovens e atraentes para relacionamentos verdadeiros, transparentes, com acordos pré-estabelecidos e expectativas alinhadas.

E ai, você já sabia desses fatos? Há muita informação equivocada quando o assunto é relacionamento sugar. Existem muitas outras curiosidades, mas separamos as 5 mais importantes para ficarem por dentro de tudo! Aproveite e compartilhe com a gente uma curiosidade do seu Relacionamento Sugar!

Siga-nos

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentário
Nome*

Entre para o nosso “pote de açúcar” cheio de Sugar Babies!

Encontre alguém que se encaixe às suas expectativas.

Cadastre-se