CONHEÇA HOMENS RICOS E MULHERES BONITAS. CADASTRE-SE AGORA!

A rejeição é um dos sentimentos mais difíceis de lidar.  Ouvir um “não” de alguém pode ser bem traumático. Mas, como nem só de “sim” é feita a vida, é melhor aprendermos a lidar com isso. E que seja da melhor maneira possível.

O quanto uma rejeição afeta a pessoa está diretamente ligado a sua autoestima. Por isso, é importante entender que o fato de ser rejeitado nada tem a ver com você. Parece meio absurdo isso? Acredite, foi a outra pessoa que não quis o que você tem a oferecer, e isso partiu dela para com você – não de você para você mesma.

A gente sempre se compara com a outra pessoa, e abrimos as portas para o sentimento de rejeição. Se o Sugar Daddy ficou com outra Baby, isso não significa que você não é boa o suficiente. Apenas que ela tem mais a ver com ele, e que a química aconteceu entre eles.

É comum termos pensamentos autocríticos, em vez de olharmos a situação de fora ou a analisarmos de maneira mais profunda. Foge de nossos pensamentos o fato de que o Sugar Daddy ou quem te entrevistou para uma vaga de emprego tem pré-requisitos em mente. Ele só irá ficar satisfeito quando encontrar alguém que se enquadre naquilo que ele está buscando.

A principal dica é usar a rejeição como trampolim. Seja para ir para a academia ou perceber que um emprego em outra área deve ser o foco. É importante frisar que essas mudanças têm que ser feitas por nós, e não para nos enquadrarmos no que é o ideal de outra pessoa.

Lógico que é impossível ser aceito em tudo, a todo momento. Cada um é a melhor opção para um lugar ou pessoa específica. Walt Disney, antes de ser dono do império que leva seu sobrenome, foi demitido do trabalho por “não ser criativo”. No mundo da moda, a toda poderosa Anna Wintour, antes de entrar na Vogue, foi descartada pela Harper’s Bazaar.

Ambos são casos de sucesso hoje, mas um dia já ouviram que não eram bons o suficiente. E usaram isso para alavancar a carreira e chegar aonde chegaram.

CONHEÇA HOMENS RICOS E MULHERES BONITAS. CADASTRE-SE AGORA!